• Cabeçalho Criança e adolescente

Criança e Adolescente

21/02/2014

EDUCAÇÃO - Mais estudantes hospitalizados terão atendimento escolar

Compartilhar no Facebook©

 

Curitiba. Convênio que permite a crianças internadas continuar a estudar foi fechado pelo governo com o Hospital Cajuru. Em todo o Estado, oito cidades participam do programa.

EDUCAÇÃO - Mais estudantes hospitalizados terão atendimento escolar

Equipes acompanham os alunos diariamente
(Divulgação)

Estudantes que estão hospitalizados no Hospital Cajuru poderão agora receber atendimento escolar. O convênio foi firmado na segunda- feira entre a entidade e a Secretaria de Estado da Educação e prevê uma equipe composta por uma pedagoga e três professores da rede estadual de educação para acompanhar diariamente os alunos internados.

A proposta é que os alunos continuem a escolarização, inserção ou reinserção no ambiente escolar, conforme frisa Thais Gama da Silva, técnica do Sareh (Serviço de Atendimento à Rede de Escolarização Hospitalar). "Esse atendimento possibilita que o aluno continue com a escolarização sem perder os conteúdos, além de manter o vínculo com a escola", disse Thais.

Com o novo convênio, Curitiba passa a ter oito unidades contempladas pelo programa: Associação Hospitalar de Proteção à Infância Doutor Raul Carneiro, Hospital Pequeno Príncipe, Associação Paranaense de Apoio à Criança com Neoplasia, Hospital de Clínicas da Universidade Federal do Paraná, Hospital do Trabalhador, Hospital Erasto Gaertner, Hospital Universitário Evangélico, Hospital Cajuru (Curitiba). Em Campo Largo, o Hospital infantil Waldemar Monastier também recebe equipes da Educação.

Há também hospitais conveniados em Ponta Grossa, Paranaguá, Londrina, Maringá, Cascavel e União da Vitória. Ao todo, são 18 entidades conveniadas ao programa, que, no ano passado, realizou 5.800 atendimentos. Desde o início do programa, em 2007, mais de 39 mil alunos já foram tendidos, segundo a Secretaria da Educação.

5.800 atendimentos foram realizados pelo programa no ano passado.
Desde o início das atividades, em 2007, 39 mil alunos foram beneficiados.

No ano passado eles receberam 177 tablets e 14 notebooks do governo. "Esses tabletes são muito importantes para o nosso trabalho porque alguns alunos não podem sair da UTI. Com essas ferramentas os alunos passam a contar uma auxilio a mais nesse trabalho", diz a pedagoga Rozeli de Fátima Gabardo Pereira.

Cidades no programa
•   Curitiba
•   Campo Largo
•   Ponta Grossa
•   Paranaguá
•   Londrina
•   Maringá
•   Cascavel
•   União da Vitória

Metro Curitiba

[Fonte: Metro Curitiba - 21/02/2014 - Edição nº 708, ano 3 - Pág 3]]

 

Matérias relacionadas:   (links internos)
»   Campanhas & Programas
»   Educação

Referências:   (links externos)
»   Hospital Universitário Cajuru
»   Metro Curitiba

 

 

Recomendar esta notícia via e-mail:
Captcha Image Carregar outra imagem