• Cabeçalho Criança e adolescente

Criança e Adolescente

09/09/2015

CAMPANHA - Setembro Amarelo: Mês pela prevenção do suicídio

 

O dia 10 de setembro, Dia Mundial de Prevenção ao Suicídio, foi a data escolhida para o lançamento do Caderno de Socioeducação de Prevenção do Suicídio, desenvolvido pelo Departamento de Atendimento Socioeducativo (DEASE) da Secretaria de Estado da Justiça, Cidadania e Direitos Humanos (SEJU). O lançamento será realizado no site da SEJU e ficará disponível também na página das instituições parceiras como Secretaria de Estado da Saúde (SESA), Ministério Público do Paraná (MP-PR), Comitê Gestor Intersecretarial de Saúde Mental do Estado do Paraná (CISMEEP) e Tribunal de Justiça através do Conselho de Supervisão dos Juízos da Infância e da Juventude (CONSIJ-PR).

O Caderno tem como objetivo oferecer possibilidades de instrumentalização aos socioeducadores frente a adolescentes que se encontram nos Centros de Socioeducação e Casas de Semiliberdade, fornecendo reflexões, procedimentos e estratégias que poderão ser utilizados tanto em relação à prevenção quanto aos encaminhamentos relacionados ao suicídio.

Segundo o Secretário da Justiça, Leonildo Grota, o Governo do Estado assume o compromisso em manter a prioridade da política da criança e do adolescente na pauta da agenda governamental. Neste sentido, os adolescentes merecem especial atenção da Secretaria de Estado da Justiça, Cidadania e Direitos Humanos. “A prevenção do suicídio e as políticas de saúde mental na socioeducação foram eleitas como prioridades para o início da gestão dentro da Secretaria. O trabalho realizado junto aos servidores objetivando-se a garantia de direitos permitirá um importante trabalho a ser realizado no Estado como compromisso com a vida dos adolescentes”, disse ele.

O Diretor do Departamento de Atendimento Socioeducativo, Pedro Ribeiro Giamberardino explicou que o material visa trazer subsídios e orientações práticas para prevenção ao suicídio na socioeducação, mas também contextualiza esta importante temática dentro de um cenário de vida que potencializa sentimentos de aflições, desespero ou desesperança, fazendo disto uma preocupação sempre constante. “Trabalhar com situações que nos levam a ver a morte (ainda que como hipótese) de um adolescente trazem inevitavelmente esses sentimentos de preocupação com uma carga ainda maior”, ressaltou Pedro.

Como parte da campanha "Vamos falar sobre suicídio?", slogan escolhido na perspectiva de que falar sobre o suicídio é uma das maneiras de preveni-lo, o Caderno traz a proposta de que cada Unidade de Atendimento Socioeducativo realize uma “roda de conversa” com os adolescentes sobre o tema e atividades artísticas que envolvam a valorização da vida. Cada unidade fará a atividade conforme seu cronograma e metodologia escolhida com o perfil do adolescente a ser trabalhado pela equipe técnica.

Na sequência o Departamento de Atendimento Socioeducativo (DEASE) e a Escola de Educação em Direitos Humanos (ESEDH) irão viabilizar uma capacitação em saúde mental para todos os servidores da socioeducação, que será regionalizada e abrangerá a temática da prevenção do suicídio.

Estatísticas

Dados da Organização Mundial da Saúde revelam que 1 milhão de pessoas se suicidam a cada ano em todo mundo, o que representa uma pessoa a cada 1 minuto e 9 segundos. No Brasil, segundo dados da Associação Brasileira de Psiquiatria, calcula-se que sejam pelo menos 9 mil óbitos por ano, 25 por dia.

Os ambientes de privação de liberdade consistem em locais em que se deve manter protocolos de segurança diretamente relacionados a esta temática, razão pela qual operacionalizou-se no material lançado fluxo de ações para o monitoramento dos respectivos encaminhamentos de saúde relacionados aos adolescentes, incluindo-se fatores de risco ao suicídio.

Assessoria de Comunicação

[Fonte: DEASE - Notícia de Divulgação]

 

- Download PDF -

Caderno de Socioeducação - Prevenção do Suicídio
Secretaria da Justiça, Cidadania e Direitos Humanos
O presente material visa trazer subsídios e orientações práticas para prevenção ao suicídio na socioeducação
[Fonte: DEASE - Departamento de Atendimento Socioeducativo]
Download:         [ opção 1 ]         [ opção 2 ]
(formato PDF - tamanho 4,50MB - 84 págs - 2ª edição - 2015)

Matérias relacionadas:   (links internos)
»   Calendário
»   Publicações: Saúde - Saúde Mental - Suicídio
»   Saúde
»   Saúde Mental: Suicídio na Infância e Adolescência

Notícias relacionadas:   (links internos)
»   (26/06/2015) PUBLICAÇÃO - Violência contra indígenas: números de homicídios e suicídios seguem "assustadores"
»   (12/12/2013) INTERNET - “Sexting” é a mais nova onda entre adolescentes
»   (19/09/2013) SAÚDE - Dia mundial de prevenção ao suicídio
»   (11/06/2013) SAÚDE - Taxa de suicídio entre jovens cresce 30% em 25 anos no Brasil

Download:   (arquivos PDF)
»   Caderno de Socioeducação - Prevenção do Suicídio

Referências:   (links externos)
»   CISMEEP - Comitê Gestor Intersecretarial de Saúde Mental do Estado do Paraná
»   CONSIG-PR - Conselho de Supervisão dos Juízos da Infância e da Juventude
»   DEASE - Departamento de Atendimento Socioeducativo
»   MPPR - Ministério Público do Estado do Paraná
»   OMS - Organização Mundial da Saúde
»   SEJU - Secretaria de Estado da Justiça, Cidadania e Direitos Humanos
»   SESA - Secretaria de Estado da Saúde
»   TJPR - Tribunal de Justiça do Estado do Paraná

 

 

Recomendar esta notícia via e-mail:
Captcha Image Carregar outra imagem