• Cabeçalho Criança e adolescente

Criança e Adolescente

20/06/2016

TRABALHO INFANTIL - OIT defende políticas públicas coerentes

OIT defende políticas públicas coerentes para acabar com trabalho infantil.

Imagem

Trabalho infantil em fazendas familiares precisa ser combatido levando em conta o contexto e as circunstâncias familiares.
(Foto: FAO)

Veja também:

•   Publicações
•   Notícias relacionadas
•   Links referenciais

Com cerca de 168 milhões de crianças trabalhando em vários setores no mundo, a luta contra o trabalho infantil requer políticas coerentes, que apoiem legislações focadas em educação de qualidade, proteção social e trabalho decente para os adultos, disse a Organização Internacional do Trabalho (OIT) no domingo (12).

"É evidente que o trabalho infantil não tem lugar em mercados com bom funcionamento e bem regulados. Mas a realidade é que, hoje, o trabalho infantil ainda é generalizado nas cadeias de produção", disse o diretor-geral da OIT, Guy Ryder, em comunicado na ocasião do Dia Mundial Contra o Trabalho Infantil.

O foco da data este ano - lembrada anualmente em 12 de junho - é trabalho infantil e cadeias produtivas.

Em sua mensagem, Ryder mostrou que do total de crianças submetidas ao trabalho infantil, 85 milhões estão em trabalhos perigosos. O trabalho infantil também é visto em outras cadeias produtivas, da agricultura - 99 milhões - à mineração, da manufatura ao turismo, produzindo bens e serviços consumidos por milhões todos os dias.

De acordo com o diretor-geral da OIT, o trabalho infantil ocorre predominantemente nas economias rurais e informais, que estão fora do alcance de inspetores do trabalho, da proteção das organizações de trabalhadores ou produtores.

"Não é apenas a falta de proteção institucional nas economias rurais e informais que aumenta o risco de trabalho infantil nas cadeias produtivas; na produção familiar e na agricultura familiar, as crianças ficam muitas vezes altamente vulneráveis porque os rendimentos dos pais são insuficientes ou porque as pequenas empresas familiares e fazendas não pode se dar ao luxo de substituir o trabalho infantil pela contratação de jovens e adultos", disse Ryder.

O diretor-geral da OIT destacou fóruns como a "Plataforma de Trabalho Infantil" como exemplo de boas práticas, uma vez que permitem a empresas desenvolver novos modelos de colaboração para a eliminação do trabalho infantil.

Ryder também destacou a Declaração Tripartite de Princípios sobre Empresas Multinacionais e Política Social da OIT, de 1977, que reconhece o papel das empresas na eliminação do trabalho infantil. Com foco no desenvolvimento e no fortalecimento da capacidade empresarial e do diálogo social, a declaração contém "um grande potencial para guiar a ação contra o trabalho infantil".

Além disso, a Agenda 2030 para o Desenvolvimento Sustentável também reafirma a meta de erradicação do trabalho infantil.

FAO também atua no combate ao trabalho infantil

A Organização das Nações Unidas para Alimentação e Agricultura (FAO) e a OIT lançaram, na semana passada (8), o curso on-line "Fim do Trabalho Infantil na Agricultura".

O curso visa a assegurar que medidas de prevenção do trabalho infantil sejam incluídas em programas de desenvolvimento agrícola e rural, especialmente nos voltados a pequenos agricultores. Segundo as agências, as piores formas de trabalho infantil incluem trabalhos perigosos que podem prejudicar a saúde e causar danos à segurança dos menores.

"Para alcançar a fome zero, nós também devemos alcançar o trabalho infantil zero", disse o brasileiro José Graziano da Silva, diretor-geral da FAO.

"O trabalho infantil é certamente uma questão complexa e não pode ser combatido sozinho. Precisamos de parcerias fortes que tragam experiências e recursos à mesa cada vez mais", acrescento, em declarações feitas em evento em Roma sobre o tema.

Ele destacou ainda que as políticas e programas agrícolas podem desempenhar um papel único na abordagem das causas do trabalho infantil. Por isso, segundo o diretor, devem ser combinados com sistemas de ensino adequados que atendam às necessidades das crianças e dos jovens em áreas rurais.

Juntamente com a proteção social e com políticas de trabalho decentes para a juventude rural e para os adultos, "temos os ingredientes básicos necessários para por fim no trabalho infantil na agricultura", completou.

Segundo Ryder, da OIT, o curso online envia a mensagem clara de que a necessidade de acabar com o trabalho de crianças na agricultura é urgente. "Esta ferramenta ajudará a construir a capacidade das partes agrícolas e de trabalho envolvidas, para que todos juntos possam contribuir da melhor forma para acabar com o problema".

O curso, que consiste em 15 lições, cada uma com cerca de 30 a 65 minutos, abrange, entre outros, os setores da pecuária, silvicultura, pesca e aquicultura. Atualmente, está disponível em Inglês e em breve estará disponível também em francês e espanhol.

[Fonte: ONU BR - 13/06/2016]

 

- Download PDF -

Trabalho Infantil e Trabalho Infantil Doméstico no Brasil
Avaliação a partir dos microdados da PNAD/IBGE (2012-2013)
Realização: FNPETI - Fórum Nacional de Prevenção e Erradicação do Trabalho Infantil
Apoio: PLAN International
[Fonte: FNPETI]
Download:         [ opção 1 ]         [ opção 2 ]
(formato PDF - tamanho 5,43MB - 104 págs - Brasília/DF - Outubro/2015)

- Download PDF -

Cenário da Infância e Adolescência no Brasil 2016
Sistematização dos dados: João Pedro Sholl Cintra   •   Texto e edição: João P. S. Cintra, Maitê F. Gauto
Realização: Fundação Abrinq   •   Save the Children
Informações adicionais:   Lançamento do Caderno
[Fonte: Fundação ABRINQ]
Download:         [ opção 1 ]         [ opção 2 ]
(formato PDF - tamanho 3,14MB - 60 págs - 2016)

- Download PDF -

Caderno Legislativo da Criança e do Adolescente - 2016   (3ª edição)
Textos: Marta Volpi e Carolina Mafessoni   •   Edição: Maitê Gauto e Marta Volpi
Realização: Fundação Abrinq   •   Save the Children
Informações adicionais:   Lançamento do Caderno
[Fonte: Fundação ABRINQ]
Download:         [ opção 1 ]         [ opção 2 ]
(formato PDF - tamanho 7,71MB - 194 págs - São Paulo/SP, 2016 - 3ª edição)

- Download PDF -

Criança e Trabalho: da exploração à educação
Organizadores: Andréa Saint Pastous Nocchi, Marcos Neves Fava, Lelio Bentes Correa
Publicação: LTr Editora Ltda., todos os direitos reservados - apenas 17 páginas para degustação
(Contém o artigo: Cinco Desafios para a Infância em 2015, de Mário Volpi - na íntegra)
[Fonte: LTr Editora Ltda.]
Download:         [ opção 1 ]         [ opção 2 ]
(formato PDF - tamanho MB - 17 págs degustação - 2015)

 

Artigos, entrevistas e notícias sobre Trabalho Infantil

  • TRABALHO INFANTIL - OIT defende políticas públicas coerentes
    Com cerca de 168 milhões de crianças trabalhando em vários setores no mundo, a luta contra o trabalho infantil requer políticas coerentes, que apoiem legislações focadas em educação de qualidade, proteção social e trabalho decente para os adultos, disse a Organização Internacional do Trabalho (OIT) no domingo (12).
    (ONU BR - Nações Unidas do Brasil - 20/06/2016)
  • GRANDES EVENTOS - Trabalho infantil e exploração sexual
    Trabalho infantil e exploração sexual: como as violações afetam crianças ao redor de grandes eventos, como os Jogos Olímpicos.
    (Por Cecília Garcia, do Promenino, com Cidade Escola Aprendiz - Fundação Telefônica - Promenino - 20/06/2016)
  • TRABALHO INFANTIL - Paraná reduz ocorrências de trabalho infantil em 30,4%
    Com apoio às famílias Paraná reduz ocorrências do trabalho infantil em 30,4%. Em 2011 havia 62 mil crianças exercendo alguma atividade laboral no estado. Três anos depois, eram 42 mil.
    (SEDS/PR - Secretaria da Família e Desenvolvimento Social - Notícia - 13/06/2016)
  • Ações do Dia Mundial de Combate ao Trabalho Infantil focam na cadeia produtiva
    Campanha federal, realizada ao longo do mês de junho, contará com ações de fiscalização do Ministério do Trabalho e Superintendências em todo o País.
    (Portal Brasil - 12/06/2016)
  • Língua portuguesa contra o trabalho infantil
    A Comunidade dos Países de Língua Portuguesa (CPLP) instituiu 2016 como o seu Ano de Combate ao Trabalho Infantil. A iniciativa é muito pertinente, pois o problema atinge praticamente todas as nove nações que compõem o bloco, incluindo o Brasil -3,2 milhões de crianças e adolescentes trabalham ilegalmente no país, segundo pesquisa do IBGE de 2013.
    (Opinião Luís Antonio Torelli - Folha de São Paulo - 12/06/2016)
  • Municípios precisam assumir papel que lhes cabe no combate ao trabalho infantil
    Neste 12 de junho, Dia Mundial e Nacional (Lei 11.542/2007) de Combate ao Trabalho Infantil, uma reflexão: chegou a hora de os municípios assumirem, definitivamente, o papel que lhes cabe no enfrentamento dessa chaga social que ainda vitima 168 milhões de crianças e adolescentes de 5 a 17 anos mundo afora e, só no Brasil, fulmina a perspectiva de futuro de 3,331 milhões de brasileiros que se encontram na mesma faixa etária.
    (Por Kátia Magalhães Arruda e José Roberto Dantas Oliva - Consultor Jurídico - 12/06/2016)
  • O duro desafio de acabar com o trabalho infantil
    Para entender esse problema e buscar respostas sobre possíveis soluções, o EM TEMPO ouviu especialistas e autoridades para esta reportagem especial de 12 de junho, quando se comemora o Dia Nacional de Combate ao Trabalho Infantil. De conclusivo, ficou uma certeza: esse é verdadeiramente um desafio que demanda atenção e dedicação tanto do poder público quanto da sociedade civil organizada.
    (Por Fred Santana - Em Tempo Online - 12/06/2016)
  • Papa denuncia marginalização de pessoas com deficiência e trabalho infantil
    O Papa lançou neste domingo, durante o Angelus, um apelo para que a comunidade internacional redobre os esforços para "suprimir as causas" do trabalho infantil no mundo todo, uma forma de "escravidão moderna".
    (jlv/bc/pc/pr/lb - Zero Hora - Notícia - 12/06/2016)
  • Pesquisa traça o perfil dos jovens em situação de trabalho infantil em BH
    Pesquisa inédita realizada na capital mineira traça o perfil dos jovens que trocaram a infância e a adolescência por dinheiro. No Dia Mundial de Combate ao Trabalho Infantil, lembrado hoje, dados preliminares do levantamento apontam que mais de 70% da faixa etária dos menores na labuta têm entre 16 e 17 anos.
    (Por Renato Fonseca - Hoje em Dia - 12/06/2016)
  • Trabalho infantil perpetua o ciclo da pobreza e miséria, diz juíza
    A continuidade da exploração do trabalho infantil pode alimentar um ciclo difícil de quebrar. Um exemplo disso está na Região Nordeste, onde cerca de 90% dos adultos resgatados do trabalho escravo são egressos do trabalho infantil, segundo a juíza do Trabalho Rosimeire Fernandes.
    (Jornal do Brasil - 12/06/2016)
  • AI pede que Apple investigue se há trabalho infantil em linha de fornecimento
    A Anistia Internacional (AI) instalou neste sábado na Porta do Sol de Madri uma mina gigante em três dimensões para exigir que a Apple investique sua rede de fornecimento para que assegure que seus produtos não contêm cobalto extraído por menores.
    (Anistia Internacional - Em Madri - Uol Economia - 11/06/2016)
  • Desembargador vê risco de retrocesso no combate ao trabalho infantil
    Às vésperas do Dia Mundial de Combate ao Trabalho Infantil, lembrado neste domingo, 12 de junho, o desembargador do Tribunal Regional do Trabalho do Rio, Mario Sérgio Pinheiro, disse que a tentativa de flexibilização das leis protetivas do trabalho coloca em risco os direitos alcançados para crianças e adolescentes. Segundo ele, no momento de crise em que o país se encontra é necessário "ampliar sistemas de proteção e não reduzir direitos".
    (Por Lígia Souto - EBC - Radioagência Nacional - 11/06/2016)
  • Sociedade contribui para trabalho infantil, diz procuradora do AM
    Educação de qualidade é uma das soluções apontadas. Trabalho aproxima crianças e adolescente de violência. Feiras, comércios e áreas portuárias são locais no quais comumente vemos crianças e adolescentes carregando sacolas, levando carrinhos de compras ou ajudando nas vendas de produtos. Essa aceitação do trabalho infantil pela sociedade é apontada por Alzira Melo Costa, procuradora do Ministério Público do Trabalho do Amazonas (MPT-AM), como um dos problemas no combate à prática.
    (Suelen Gonçalves do G1 AM - 11/06/2016)
  • OPINIÃO - Atenção ao trabalho infantil
    Diante da situação apresentada, a colunista ressalta que a atenção ao trabalho infantil deve ser redobrada. Os pequenos brasileiros necessitam de políticas públicas adequadas para crescer com saúde, boa formação e a dignidade a que todos têm direito.
    (Colunista Lucila Cano - UOL Educação - 10/06/2016)
  • TRABALHO INFANTIL - Acabar com o trabalho infantil nas cadeias produtivas é dever de todos
    Este ano, o Dia Mundial contra o Trabalho Infantil - marcado em 12 de junho - tem como foco o trabalho infantil nas cadeias produtivas. Com 168 milhões de crianças ainda submetidas ao trabalho infantil, todas as cadeias produtivas, da agricultura à fabricação, dos serviços à construção, correm o risco de que o trabalho infantil esteja presente em sua estrutura.
    (ONU BR - Nações Unidas do Brasil - 10/06/2016)
  • Trabalho infantil pode aumentar com flexibilização de leis, dizem especialistas
    As propostas de flexibilização das leis trabalhistas que tramitam no Congresso Nacional não apenas precarizam o trabalho, mas também abrem brechas para o aumento da exploração de crianças e adolescentes na cadeia produtiva, afirmou hoje (10) o desembargador do Trabalho Mário Sérgio Pinheiro, gestor regional do Programa de Combate ao Trabalho Infantil da Justiça do Trabalho do Rio de Janeiro.
    (Flávia Villela - Repórter da Agência Brasil - EBC - 10/06/2016)
  • TRABALHO INFANTIL - Alerta para a prática em cadeias produtivas
    No Brasil, 3,3 milhões de crianças e adolescentes, de 5 a 17 anos, estão em situação de trabalho infantil no país. O tema Não ao Trabalho Infantil na Cadeia Produtiva foi escolhido pela Organização Internacional do Trabalho (OIT) como mote para o Dia Mundial de Combate ao Trabalho Infantil, lembrado anualmente em 12 de junho.
    (Jornal Dia a Dia - Fonte: Agência ANAMATRA - 07/06/2016)
  • TRABALHO INFANTIL - Estatísticas tristes dos últimos oito anos
    No Brasil, morreram 187 crianças e adolescentes com idades entre cinco e 17 anos durante o trabalho nos últimos oito anos. Outros 518 jovens tiveram a mão amputada em acidentes na jornada de trabalho. Essas mortes e amputações fazem parte dos 20.770 casos graves de acidentes trabalhistas envolvendo crianças e adolescentes entre 2007 e 2015.
    (Juca Guimarães, do R7 - R7 Notícias - 30/05/2016)
  • 80% do trabalho infantil se concentra na faixa etária de 14 a 17 anos
    Secretária adjunta de Avaliação e Gestão da Informação do Ministério de Desenvolvimento Social (MDS) explica que os dados revelaram que o aumento do trabalho infantil foi com os adolescentes.
    (Revista Brasil - Rádios EBC - Apresentação de Válter Lima - 20/04/2016)
  • Dados do IBGE mostram que exploração do trabalho infantil cresceu 4,5% em 2014
    Os dados fazem parte de uma publicação da Fundação Abrinq lançada na terça-feira (05/04) que reúne os indicadores relacionados à infância e adolescência divulgados por órgãos oficiais no Brasil.
    (Daniel Mello - Repórter da Agência Brasil - EBC - 05/04/2016)
  • Brasil tem 3,3 milhões de crianças em situação de trabalho infantil, diz estudo
    Mais de 3,3 milhões de crianças e adolescentes (entre 5 e 17 anos) estão em situação de trabalho infantil no Brasil, segundo levantamento feito pela Fundação Abrinq. O panorama nacional da infância e adolescência é lançado nesta terça-feira (5), durante a 33ª edição da Abrin - Feira do Brinquedo, no Expo Center Norte, na Zona Norte de São Paulo.
    (Do G1 São Paulo - globo.com - 05/04/2016)
  • TRABALHO INFANTIL - Brasil reduz trabalho infantil doméstico em 17,6%, diz pesquisa
    Infelizmente a redução do trabalho infantil só se refere ao trabalho doméstico. O número de trabalhadores infantojuvenis ocupados nos serviços domésticos no Brasil caiu 17,6% entre 2012 e 2013. De 2008 a 2013, período em que houve um maior enfrentamento ao trabalho infantil doméstico, o Brasil atingiu uma redução de 34,5%, o que representa queda de mais de 113 mil casos.
    (Bahia Notícias - 17/03/2016)
  • TRABALHO INFANTIL - Crianças no trabalho doméstico são 94% meninas e 73% negras
    O trabalho infantil doméstico no Brasil é exercido, em maioria, por meninas negras. Crianças e adolescentes do sexo feminino são 94% das ocupadas no serviço doméstico, enquanto 73% delas são negras. O levantamento foi apresentado nesta quarta-feira, 16, pelo Fórum Nacional de Prevenção e Erradicação do Trabalho Infantil (FNPETI).
    (EM Digital - Fonte: Agência Estado - 17/03/2016)
  • TRABALHO INFANTIL - Número cai 59% em 20 anos, mas trabalho infantil ainda atinge 3,2 milhões
    O trabalho infantil registra diminuição considerável no Brasil nas duas últimas décadas, mas ainda atinge quase 3,2 milhões. De 1992 a 2013, a redução do número de crianças e adolescentes (de 5 a 17 anos) explorados caiu 59% - de 7,773 milhões para 3,187 milhões. A queda foi mais acentuada entre 2003 e 2013 (38,4%) do que entre 1992 e 2003 (33,5%), apesar de em 2004 terem sido incluídos os dados do interior da região Norte brasileira, antes não computados.
    (Rodrigo Gomes/RBA - Rede Brasil Atual - 17/03/2016)
  • Café amargo
    Trabalho infantil e agrotóxicos. Relatório liga trabalho escravo em fazendas de café brasileiras a multinacionais como Nestlé e Jacobs Douwe Egberts.
    (Repórter Brasil - 08/03/2016)
  • TRABALHO INFANTIL - CNMP apoia projeto de conscientização contra trabalhos infantil e escravo
    A iniciativa, realizada em parceria com o Curso Superior de Tecnologia em Jogos Digitais da Faculdade de Ciências Sociais Aplicadas (Facisa), de Campina Grande/PB, já resultou na produção de dois games: "Infância Livre" e "Trabalho Livre".
    (Assessoria de Comunicação Social CNMP - Conselho Nacional do Ministério Público - Notícia - 03/03/2016)
  • Seu celular foi produzido com trabalho escravo infantil?
    Uma investigação da Anistia Internacional e da Afrewatch seguiu o rastro do cobalto obtido das minas artesanais da República Democrática do Congo, onde centenas de menores são explorados.
    (por Rodrigo Gomes, da RBA - Rede Brasil Atual - 22/01/2016)
  • Relatório acusa Apple, Samsung e Sony de conivência com trabalho infantil
    A organização de direitos humanos Anistia Internacional acusou as empresas Apple, Samsung e Sony, entre outras, de falhar em identificar o uso de trabalho infantil na produção dos minerais usados em seus aparelhos. O Brasil também aparece de forma negativa em um ranking da OIT sobre vulnerabilidade empregatícia.
    (BBC Brasil - 19/01/2016)
  • TRABALHO INFANTIL - Ações de fiscalização alcançaram 7.200 crianças e adolescentes, em 2015
    O Ministério do Trabalho e Previdência Social (MTPS) realizou, em 2015, 7.263 ações fiscais que alcançaram 7.200 crianças e adolescentes em situação de trabalho irregular. O Rio de Janeiro foi o estado com maio número de ocorrências, total de 1.028 casos.
    (MTPS - Ministério do Trabalho e Previdência Social - 13/01/2016)
  • Alternativa à rua é a escola e não o trabalho infantil, diz ministra do TST
    Estado deve proporcionar um ambiente em que a criança possa ser verdadeiramente criança, no qual possa brincar, estudar e vivenciar a infância na sua integralidade.
    (por Paula Andrade/CF - TST - Tribunal Superior do Trabalho - 12/01/2016)
  • "Precisa-se de uma menina de 12 annos de idade para cuidar de creança": o trabalho infantil na Primeira República
    O presente artigo propõe-se a investigar trabalho exercido por crianças no cotidiano urbano da cidade de Porto Alegre-RS, entre os anos de 1889 até 1927, período da Primeira República e pós-abolição da escravatura.
    (Artigo de Lisiane Ribas Cruz - DMT Democracia e Mundo do Trabalho - 11/01/2016)
  • Estudos afastam mito de que trabalho infantil garante futuro da criança
    A escolaridade - o acesso à educação - é um dos fatores fundamentais para a melhoria da condição de vida social e cultural daqueles que não contam com certas facilidades, como alto poder aquisitivo.
    (por Paula Andrade/CF - TST - Tribunal Superior do Trabalho - 06/01/2016)
  • Brasileiros sabem que há trabalho escravo no país, revela pesquisa
    Segundo a líder de Projetos de Proteção da Fundação Abrinq, Andréia Lavelli, ainda existem muitos mitos em relação ao trabalho infantil, incluindo a descrença de sua existência, devido à banalização.
    (Reportagem: Flávia Albuquerque - Edição: Nádia Franco - Agência Brasil - EBC - 05/01/2016)
  • TRABALHO INFANTIL - Uma em cada quatro crianças abandona a escola, diz TST
    Tribunal Superior do Trabalho iniciou campanha para combater esse tipo de mão de obra. Cerca de três milhões de crianças e adolescentes são vítimas do trabalho infantil no País, segundo o IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística). Estudos mostram que 90% deles sofrem com a defasagem escolar e que um em cada quatro abandona a escola.
    (R7 Notícias - Record News - 04/01/2016)
  • Trabalho infantil doméstico: é proibido, mas ainda persiste
    Dados de levantamento realizado pelo Dieese confirmam que o trabalho infantil doméstico persiste nas regiões metropolitanas brasileiras, particularmente entre as meninas negras.
    (Paula Andrade/CF - Campanha Nacional TST - Tribunal Superior do Trabalho - 01/01/2016)
  • Trabalho infantil: lixões expõem crianças a perigos
    Pesquisas feitas pelo Fundo das Nações Unidas para a Infância (UNICEF) demonstram que existem crianças e adolescentes em lixões de 3.500 municípios brasileiros.
    (Paula Andrade/CF - Campanha Nacional TST - Tribunal Superior do Trabalho - 01/01/2016)
  • O efeito das fiscalizações do trabalho para a redução do trabalho infantil no Brasil
    O trabalho infantil vem diminuindo desde meados da década de 1990. Foi também nesse período que a inspeção do trabalho no Brasil começou a dar maior importância ao combate ao trabalho infantil. Assim, o presente trabalho teve por objetivo analisar o efeito da inspeção do trabalho sobre a queda no trabalho infantil, em 2000 e 2010.
    (Artigo de Roselaine Bonfim de Almeida - DMT Democracia e Mundo do Trabalho - 21/12/2015)
  • Perfil demográfico, socioeconômico e de saúde de crianças e adolescentes trabalhadores e não trabalhadores, Brasil: análise das desigualdades
    Isabella de Oliveira Campos Miquilin, Leticia Marín-León, Verônica Gronau Luz, Ehideé Isabel Gómez La-Rotta e Heleno Rodrigues Corrêa Filho.
    (DMT - Democracia e Mundo do Trabalho - Fonte: Cadernos de Saúde Pública - 18/12/2015 )
  • Carvoarias representam o trabalho infantil em uma de suas mais degradantes formas
    Os trabalhadores de carvoarias estão sujeitos a gases tóxicos, fuligem, cinzas, pó e altas temperaturas, o que pode lhes causar problemas de saúde de muita gravidade.
    (Paula Andrade/CF - Campanha Nacional TST - Tribunal Superior do Trabalho - 14/12/2015)
  • TST lança campanha para combater trabalho infantil e conscientizar a sociedade
    Foram criados seis vídeos e 'spots' que serão veiculados em rede nacional de rádio e televisão, redes sociais e cinemas da rede Cinemark.
    (Edição: Jorge Wamburg - EBC - Agência Brasil - 14/12/2015)
  • Criança e trabalho: da exploração à educação
    Andréa Saint Pastous Nocchi, Marcos Neves Fava e Lelio Bentes Correa - LTr, 2015.
    (Dicas de Livros - DMT - Democracia e Mundo do Trabalho - 16/11/2015)
  • Exploração de mão de obra infantil cresceu 4,5% em 2014
    É o que revela a Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios (Pnad) 2014, divulgada na sexta-feira (13/11) pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE).
    (Reportagem: Alana Gandra - Edição: Lana Cristina - EBC - Agência Brasil - 13/11/2015)
  • Conheça as diretrizes para combater o trabalho infantil (áudio 00:16:33)
    Em entrevista ao Tarde Nacional, Sueli Bessa, procuradora do trabalho e representante, no Rio, da Coordenadoria Nacional de Combate à Exploração do Trabalho de Crianças e Adolescentes, do Ministério Público do Trabalho, falou sobre a quantidade alarmante de crianças e adolescentes em situação irregular.
    (Produção: Alessandra Hirtenkauf - Programa: Tarde Nacional - EBC Rádios - 26/08/2015)
  • Trabalho infantil piora desempenho na escola, diz estudo da Unesco
    Dados mostram fatores que ajudam ou prejudicam a aprendizagem. Violência nas escolas também afeta negativamente a nota dos alunos. Crianças brasileiras que fazem o ensino fundamental e trabalham vão pior na escola, segundo um estudo divulgado na manhã desta quinta-feira (30) pela Unesco (Organização das Nações Unidas para a Educação, Ciência e Cultura). A segunda parte do Terceiro Estudo Regional Comparativo e Explicativo (Terce), que avaliou o desempenho em matemática, leitura e ciências naturais de 134 mil estudantes da América Latina, mostra que, entre os estudantes do quarto ano do fundamental, os que estão sujeitos a trabalho infantil têm nota mais baixa tanto em leitura quanto em matemática.
    (Do G1, em São Paulo - globo.com - 30/07/2015)
  • O impacto do trabalho infantil no desempenho escolar
    Analisa o impacto do trabalho infantil no desempenho escolar das crianças e adolescentes que trabalharam e frequentaram a escola no período entre 2007 e 2011.
    (Artigo de Ida Bojicic Ono - Catálogo USP - Teses & Dissertações - Defesa: 10/04/2015)
  • Trabalho infantil no mundo (áudio 00:08:25)
    A Organização Internacional do Trabalho (OIT) apresentou um relatório com as estimativas mais recentes, sobre o número de trabalhadores infantis no mundo. O documento oferece a avaliação mais recente e ampla sobre a extensão do trabalho infantil e os esforços internacionais para erradicá-lo. Valter Lima, apresentador do Revista Brasil, entrevistou a coordenadora de Projetos de Combate ao Trabalho Infantil da OIT no Brasil, Maria Cláudia Falcão.
    (Apresentação: Valter Lima - Produção: Eliana Sousa - Programa: Revista Brasil - EBC Rádios - 04/10/2013)

 

Matérias relacionadas:   (links internos)
»   Publicações: Trabalho Infantil
»   Trabalho Infantil

Notícias relacionadas:   (links internos)
»   (13/06/2016) TRABALHO INFANTIL - Paraná reduz ocorrências de trabalho infantil em 30,4%
»   (10/06/2016) OPINIÃO - Atenção ao trabalho infantil
»   (10/06/2016) TRABALHO INFANTIL - Acabar com o trabalho infantil nas cadeias produtivas é dever de todos
»   (07/06/2016) TRABALHO INFANTIL - Alerta para a prática em cadeias produtivas
»   (30/05/2016) TRABALHO INFANTIL - Estatísticas tristes dos últimos oito anos

Referências:   (links externos)
»   ONU BR

 

 

Recomendar esta notícia via e-mail:
Captcha Image Carregar outra imagem